segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Tarde poética se estende até a noite

A cantoria começou tímida do início da tarde. Mas aos poucos o público foi chegando e interagindo com a dupla Mocinha de Passira e Santinha Maurício.

video
A dupla estava em um desafio, quando o ouvinte Tuca coloca vinte reais na bandeja e tira dez. Comum é claro, no pagamento da cantoria tradicional de pé de parede, mas não passa despercebido por Mocinha de Passira: "Tuca fez uma divisa, botou vinte, tirou dez." nem por Santinha: "Pra comprar uma havaina, que é para calçar meus pés". Confira no vídeo acima, escuro demais delculpe...câmera não-profissional rsrsrsrs...Mas vale pelo improviso, colher o que está no ambiente e soltar em versos.




O improviso das mulheres adentrou a noite com um público ávido pelos versos de repente.


Mocinha de Passira e Roberta Clarissa no intervalo da cantiga.
*
Mas a cantoria não acabou no Nosso Quintal. Terminamos na Galeteria Alvorada, Derby, a convite do proprietário Zé Inácio, fã do Programa Voz do Sertão. Lá a dupla feminina ainda teve fôlego para mais versos...









Abraços para Araquém, Ozilma, o cantador Gustavo Ramos e Edna Costa, amigos que ficaram conosco até a farra acabar!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário